Janela de Sorrisos

Resenha do livro Menina Má

<img src=“http://www.janeladesorrisos.com/meninama” title=“Livro Menina Ma” alt=“Menina Má é um terror psicológico publicado em abril de 1954 e escrito por William March. O livro é, com certeza, um marco para o gênero.>

Menina Má é um terror psicológico publicado originalmente em abril de 1954 e escrito por William March. O livro é, com certeza, um marco quando falamos de histórias envolvendo crianças psicopatas, servindo de inspiração para outras obras tão conhecidas, tais como Chuck e Anebelle. A obra fez grande sucesso e também ganhou uma peça teatral e um filme. A edição lançada no ano passado pela DarkSide Books está maravilhosa, com capa dura, páginas amareladas e excelentes ilustrações. Na trama em questão, somos apresentados à Rhoda Penmark, uma menininha peculiar, mas que encanta a todos por seu carisma e modos tão maduros e diferentes das crianças de sua idade. Enquanto as demais estão preocupadas com brincadeiras, birras e aproveitar a infância, ela acha isso tudo muito entediante e sabe se portar, principalmente, perante pessoas mais velhas.

Isso cria um fascínio nos demais personagens e eles realmente se apegam à criança, exceto Leroy que tem suas desconfianças acerca dela. Como pode Rhoda ser tão madura para uma criança de oito anos? Por que as demais também não o são? Mesmo assim, ela não consegue ficar muito tempo em uma escola. Sempre acontece algo que faz com as diretoras a expulsem, pois sabem que existe algo errado com ela, mesmo que não tenham certeza do que é. A narrativa do livro nos deixa curiosos em descobrir o que há de errado com a garota, e o que realmente me fez gostar da história foi justamente esse ponto: qual a linha da maldade? Pode, uma criança, agir de forma tão fria assim? Quem plantou essa semente? Ela herdou isso?

<img src=“http://www.janeladesorrisos.com/meninama” title=“Livro Menina Ma” alt=“Menina Má é um terror psicológico publicado em abril de 1954 e escrito por William March. O livro é, com certeza, um marco para o gênero.>

A narrativa de Menina Má não cansa e conforme avança a leitura somos apresentados a acontecimentos que deixam a vontade de descobrir mais sobre a história. Principalmente pois, Rhoda aos poucos, vai deixando desconfianças para sua mãe. Christine então, é levada ao poder da dúvida, de tentar descobrir o que se passa com sua filha e para isso, ela fará também descobertas sombrias sobre o seu passado. Essas descobertas dão um toque de suspense ao livro, fazendo com que o leitor devore cada página e se envolva cada vez mais.

O livro se tornou um dos meus favoritos, pela facilidade de envolvimento com a trama e como o autor tratou a protagonista em questão, com uma frieza e poder sem igual. E de como retomou o meu interesse por histórias semelhantes, fazendo com que eu pesquisasse mais sobre isso. Uma trama envolvente, de acontecimentos violentos, mas assustadoramente boa. Criou a semente da dúvida, o questionamento de qual a medida da maldade, como existem pessoas, principalmente crianças assim? Recomendo fortemente a leitura de Menina Má, para os amantes e simpatizantes de histórias do gênero.

"Será a maldade uma espécie de semente que carregamos dentro de nós, capaz de brotar na mais adorável das crianças?"

Título: Menina Má
Autor: William March
Editora: Darkside Books
Gênero: Terror
Páginas: 272
Ano: 2016

Ah, vocês podem conferir outras resenhas já feitas aqui no JDS clicando aqui.

Acompanhe a mim e o blog nas redes sociais
Leve-me com você – Resenha
A Guerra que Me Ensinou a Viver – Resenha
Minha Vida Fora dos Trilhos – Resenha
13 comentários
  • Simone Pinheiro

    Juro que quando vi os anúncios desse livro ano passado não coloquei muita fé nele, achei que fosse ser uma história mais bobinha, mas vendo tanta gente falando bem dele to achando que vou ter que ler mesmo (além de que os livros da Dark Side são lindos de se ter na estante)

    Responder
    • Thais

      Simone,

      Eu também pensei como você, até que me rendi e comprei o livro! Só não li mais rápido por falta de tempo mesmo, porque a história me prendeu muito! Se você ler, por favor me conta se gostou. Tá?
      E sim, as edições da Darkside são LINDAS! É um amor a cada livro deles que coloco na estante, como disse pra Samira, é minha editora preferida.

      Um beijo 🙂

      Responder
      • Simone Pinheiro

        Assim que eu conseguir colocar as mãos no livro para ler ele, te aviso sim o que eu achar 🙂

        Responder
  • Bruna WB

    Thaís, estou há tanto tempo querendo ler esse livro que até tenho vontade de me bater, hahaha. Fiquei muito feliz em saber que você gostou bastante dele (ao ponto de se tornar um dos seus favoritos), e, então, vou deixar ele furar a fila pra acabar com a minha curiosidade de uma vez por todas, hahaha.

    Responder
    • Thais

      Hahahahaha espero que você goste também! Eu fiz ele furar a fila aqui também e valeu à pena, viu? Me conta depois!

      Um beijo 🙂

      Responder
  • Laura Nolasco

    Vi mil fotos e comentários sobre esse livro que não me chamaram nenhuma atenção (inclusive pela capa que achei bem… nhé)… Aí li sua resenha e agora tô morrendo devontade de ler, comofaz? hahahah… não sou muito fã de terror, então ainda preciso pensar melhor sobre…
    Adorei a resenha, fiquei super curiosa, e não sabia que era uma história antiga!
    Beijos!

    Responder
    • Thais

      Oi, Laurinha!

      Já eu foi ao contrário.. a capa e as fotos me chamaram atenção, mas eu já sabia da existência do filme (apesar de nunca ter visto), então fiquei super curiosa! E te digo, entrou para a listinha dos favoritos. De verdade! Mas é porque eu sou uma fã doidinha por terror e suspense. <3
      Se você ler, espero que goste 🙂

      Um beijo!

      Responder
  • Camila Faria

    Tenho lido tantas resenhas positivas do livro. Isso só aumenta a minha curiosidade em relação à história, quero muito ler!

    Responder
    • Thais

      Oi, Camila! O livro é muito bom, atendeu todas as minhas expectativas, porque assim como você, também li muitas resenhas positivas antes de iniciar a leitura dele.
      Vai fundo! Se gostar me avisa.

      Um beijo. 🙂

      Responder
  • Andréia Trevisolli

    Adorei os posts do seu blog! Fiquei louca para ler esse livro, vou procurar na livraria aqui perto de casa.

    Convido você a conhecer meu blog também: http://www.bussolafeminina.com.br

    Muito sucesso sempre lindona!

    Responder
    • Thais

      Espero que goste do livro, Andréia.
      Obrigada e igualmente! 🙂

      Responder
  • Dai Castro

    Menina Má é incrível! Gostei muito do desenvolvimento dos fatos que nos deixa com vontade de investigar cada vez mais sobre a maldade de Rhoda! Eu fiquei boquiaberta com o final! Uma ótima leitura com certeza, e um livro lindo para se ter na estante!
    Colorindo Nuvens

    Responder
    • Thais

      Oi, Dai!

      Incrível, né? Exatamente, eu gosto de livros onde o final fogem do habitual. Esse é com certeza um deles. As capas da Darkside são maravilhosas, dá vontade de ter todos na estante, hahaha. <3

      Um beijo!

      Responder