Janela de Sorrisos

O Sorriso da Hiena – Resenha

o-sorriso-da-hiena

O Sorriso da Hiena foi publicado de forma independente em 2015. Devido a repercussão online, esse ano foi lançado oficialmente pela editora Verus. Trazendo à tona um Thriller policial e de um autor nacional, já que Gustavo Ávila é Paulista e atualmente vive em Florianópolis.

O sorriso da Hiena e a maldade humana

O Sorriso da Hiena não é um livro sobre quem é o culpado, pois logo no início somos apresentados a cena de um assassinato frio e cruel. É uma história sobre escolhas. Um garoto de apenas oito anos presencia a cena da morte dos pais. O autor logo nos mostra a índole da maioria de seus personagens, já que 24 anos depois a cena se repete exatamente com as mesmas características. David, quando menino presenciou a morte de seus pais muito cedo. E agora quer destruir a vida de cinco famílias para descobrir se essas crianças se tornarão como ele.

o-sorriso-da-hiena

Para isso ele pretende usar de toda sua persuasão para convencer o psicólogo William. O psicólogo é chamado para tratar as crianças órfãs. Tentando minimizar os estragos que tamanho trauma pode causar e as consequências para o desenvolvimento delas. David quer que William aceite a proposta de usá-las como estudo. E por quê? Porque no passado o psicólogo escreveu um artigo que falava sobre a maldade humana. O assassino irá se apegar nisso para perseguir seu objetivo.

"Além da tendência a falar sempre o que se pensa. O que todo mundo afirma ser uma qualidade, mas que a maioria das pessoas não aceita muito bem quando a verdade tem a ver com elas mesmas."

A história se define dessa premissa. Narrado em terceira pessoa, ao longo do enredo somos apresentados a personagens secundários, como a noiva de William, que também é psicóloga. O detetive dos assassinatos, Artur, que tem síndrome de Asperger e sua única colega de trabalho Bete. O livro certamente chama a atenção pela capa, bem como toda a edição é muito bem pensada. A diagramação é ótima, com páginas amareladas e fonte amigável para a leitura. Os capítulos não são tão longos fazendo a leitura fluir.

o-sorriso-da-hiena

Apesar de ser uma proposta muito boa para o terror nacional, eu não consegui gostar de O Sorriso da Hiena em sua totalidade. Achei um livro mediano. Tem pontos positivos na história, algumas partes realmente me surpreenderam. Mas para mim o autor acabou se perdendo um pouco pelo meio do caminho. Parece que tudo estava sempre a favor do assassino. A mudança de caráter do psicólogo ao longo das páginas também não me convenceu, com ele cogitando e ficando realmente em dúvida se entraria no jogo de David ou não. Fora alguns outros pontos que eu não quero me aprofundar comentando para não dar nenhum spoiler.

O final pra mim foi um pouco previsível, apesar de não achá-lo ruim. Mas isso varia muito de pessoa para pessoa que vai ler. Não quero desestimular ninguém, até porque já li inúmeras resenhas positivas sobre a história e acho bacana consumir literatura nacional. Assim como sempre estou de olho nos lançamentos do Raphael Montes, apesar de O Sorriso da Hiena não ter sido a leitura que imaginei, pretendo ler os futuros trabalhos do Gustavo Ávila.

É possível justificar o mal quando há intenção de fazer o bem?

Título: O Sorriso da Hiena (leia a sinopse aqui| compre aqui)
Autor: Gustavo Ávila
Editora: Verus Editora
Gênero: Romance Policial
Páginas: 263
Ano: 2017

Alguém já leu, ou está muito curioso para ler? Gostaram? Abro o espaço também para que me indiquem livros, vamos trocar inspirações!

Ah, vocês podem conferir outras resenhas já feitas aqui no JDS clicando aqui.

Acompanhe a mim e o blog nas redes sociais!

Resenha: Em Algum Lugar nas Estrelas
Resenha: Uma História Meio que Engraçada
Resenha: O Livro dos Espelhos

6 comentários
  • Michelly Melo

    Menina do céu, que história hein?!
    Fiquei assustada com o fato do crime acontecer novamente só para testar a reação de outras pessoas. É meio macabro, mas achei bem interessante a história. Acho que por ser um assunto tão pesado, é preciso saber conduzir a história, talvez tenha sido por isso que você achou que o autor acabou perdendo o rumo. Mas fiquei curiosa para ler! 😉

    Ah, também gostei muito da capa!

    Beijo

    Responder
    • Thais

      Mi, a premissa da história é incrível, não é? Essa parte também me deixou bem arrepiada, até pelo fato de imaginar todas as vezes o crime acontecendo, pura frieza. Espero que você goste, e me avisa se ler? São visões e visões, né?
      Um beijo! <3

      Responder
  • Su

    gosto muito de suspense/policial, sempre coloco todos na minha lista! uma pena que não foi tão legal pra você 🙁

    Responder
    • Thais

      Mas lê, vai que você gosta! Ele tem ótimas críticas!
      E eu também amo suspense/policial, é meu gênero preferido. <3

      Responder
  • Samira Oliveira

    Eu to muito curiosa pra ler esse livro, mas que chato ele não ser tudo isso que agt pensava né? Achei a proposta muito legal e diferente, não gosto de terror mas me pareceu mais um suspense né? Ai eu gosto! kkkk

    Responder
    • Thais

      Olha Sa, tem terror sim, tem algumas cenas que são macabras a descrição do autor. Mas ele vai sendo conduzindo depois mais pra suspense, então acho que vale à pena tentar, até pra você tirar a conclusão se gostou ou não! Me avisa se ler?

      Beijo!

      Responder